Alimente os Peixes!!!!

16 agosto 2005

Estranhas Pernas

Vagar eu vou, nua,
pelos sete corredores da sua mente
e alucinar seu sonho
com meu verso mais atrevido.

Mar de mim, transbordante
azul assim como o desejo
rasga a minha pele, explode
indefinidamente em membros.

Neônias pernas me encobrem e gemem
deliciosas
em meu seio ainda sedento de você.

Então deixe-me pesquisar suas curvas
únicas estradas que conheço
ainda que vulgares sejam.

Me deixe sonhar com o pecado
orgasmo oculto em sua boca.

Vista a pele, dispa a veste.

Onde está que não me escuta?

Cubra-me com suas bobagens
estranhamente febris.

Deixe-me esquecer a métrica
que eu quero me perder em você.

5 comentários:

gilbert disse...

Oi LoirinhaMá! Esse seu verso é mesmo atrevido! É um gosto lê-lo assim, liberto e desejante! Parabéns!

Moacir Caetano disse...

deliciosamente libertador!

Anônimo disse...

Super color scheme, I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»

Anônimo disse...

Hallo I absolutely adore your site. You have beautiful graphics I have ever seen.
»

Anônimo disse...

Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»