Alimente os Peixes!!!!

01 dezembro 2009

Resoluções de Ano Novo


Fim de ano é sempre um corre-corre danado. Provas finais. Estresse acumulado. E, eu, nesse ano, cheia de mudanças físicas psíquicas conceituais afetivas. Inferno & Maldição, claro.
Por isso, não posso esperar o dia 31 de dezembro para fazer minhas resoluções de ano novo, atitude muito importante para manter as metas à vista e pra manter o foco nelas. Lá vai:
  • Estudar para as provas antes do dia da prova. Haja coração e Lexotan pra estudar no mesmo dia.
  • Faltar o mínimo possível às aulas.
  • Concluir a faculdade custe o que custar.
  • Comprar um sapato novo todo mês. Dane-se se não é uma meta admirável. Eu amo sapatos.
  • Voltar a dançar. Ou pegar firme no muay-thai. Mexer-se. É a salvação.
  • Não atrasar nenhum BlasFêmeas.
  • Não perder nenhum chat do BlasFêmeas. Ou perder o menos possível.
  • Aprender a fazer mixagens igual ao Sara Evil e ao Barata.
  • Continuar cantando.
  • Viajar muito.
  • Ir uma vez por semana no cinema.
  • Manter meus propósitos.
  • Não ter mais TPM. Rá. Essa eu duvido cumprir.
  • Rir muito.
  • Aprender a ser só.
  • Não fazer planos para 2010.
  • Nao fazer resoluções para 2011.

8 comentários:

Anônimo disse...

eu tenho dois grandes medos...
alias, achoq a gente tem medo do q tem certeza que vai acontecer.
1º medo : ficar só
2º medo : enlouquecer

Só já estou; louca acho que sempre fui.
Resoluções pro ano novo ?
faço não.

Samanta

Anônimo disse...

Time is on my side (Yes it is)
Time is on my side (Yes it is)
Now you always say that you want to be free
But you'll come running back, you'll come running back
You'll come running back to me

Senhora Loirinha Má disse...

Sam, vc não vai ficar só. Não encare tudo como definitivo. Tudo nessa vida é transitório, até a morte!

Senhora Loirinha Má disse...

I'll come running back to u, 4 ever. U make me so happy. U make so hot. And only u make me feel free, 'cause I'm yours, u know. And I love it!

Anônimo disse...

tenho mais fé na morte...
aff, desculpa o baixo astral

beijos,
Samanta

Senhora Loirinha Má disse...

Sam, seu baixo astral é justificado, mas eu sou uma maledeta de uma otimista nata. Tem coisas que não deveriam ter sido. Tem malas que vão pra Belém. E meu sexto sentido me diz que as coisas vão se resolver a contento. A morte é um renascimento. Às vezes é uma ressurreição. O discernimento é que é o "x".

Anônimo disse...

eu tb era otimista,não q eu tenha ficado pessimista, mas levei muita lambada e ainda dói demais...
tb espero q as coisas amenizem...
só tenho q controla a minha ansiedade,tentar disfarça a minha tristeza,e seguir em frente.

beijos,

Samanta

Senhora Loirinha Má disse...

Ah, não disfarce nada. Descabele.